Rede de Estudiosos do Trabalho

Com o objetivo de ampliar a capacidade de reflexão e de produção sobre o mundo do trabalho, de se discutir as bases de um novo padrão de desenvolvimento nacional que combine crescimento econômico com valorização do trabalho, redução das desigualdades sociais e o respeito às condições ambientais, a Escola DIEESE de Ciências do Trabalho atua na perspectiva de constituir uma ampla Rede de Estudiosos do Trabalho.


Embora a história da constituição da Escola seja recente no campo da educação superior, o DIEESE possui quase 60 anos de experiência em produção técnica e científica sobre as questões do trabalho. Este legado tem sido usado para dar à Escola o suporte necessário para o início das atividades de estruturação da Rede de Estudiosos do Trabalho.


Várias atividades têm sido realizadas para implantar a Rede. Atualmente já existem parcerias definidas com diversas instituições, mas a Escola busca ainda mais organizações públicas e privadas de ensino superior, produtoras de pesquisa e de conhecimento científico, e com as que têm na questão do trabalho uma preocupação fundamental.

As instituições que compõem a Rede são as seguintes:

  • Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo - FESPSP
  • Ministério da Ciência e Tecnologia - MCT, Ministério da Educação e Cultura - MEC, Ministério do Trabalho e Emprego - MTE
  • Universidade de Caxias do Sul - UCS
  • Departamento de Ergologia da Universidade de Provence, França
  • Universidade de Coimbra - Centro de Estudos Sociais
  • Universidade Federal da Bahia - UFBA
  • Universidad de Alcalá (Alcalá de Henares, Madrid, España)
  • Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
  • Universidade de Campinas - Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho - Cesit
  • Universidade de São Paulo - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - FFLCH
  • Universidade de São Paulo - Faculdade de Educação
  • Universidade de São Paulo - Faculdade de Direito
  • Universidade de São Paulo - Escola Politécnica - Departamento de Engenharia e Produção
  • Universidade de São Paulo - Faculdade de Economia
  • Universidade de São Paulo - Museu de Arte Contemporânea - MAC/USP
  • Universidade Federal de São Carlos - UFSCar
  • Universidade Federal da Paraíba - UFPB
  • Universidade Federal do Pernambuco - UFPE
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRS
  • Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP
  • Universidade Federal do Paraná - UFPR
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ
  • Universidade de Brasília - UNB
  • Universidade Municipal de São Caetano do Sul - Programa de Pós-Graduação em Administração
  • Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza
  • Organização Internacional do Trabalho - OIT
  • Fundação Wage Indicator
  • Ministério da Previdência Social - MPS
  • Fundação Seade
  • Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - Fundacentro Ação Educativa
  • Universidade de Moçambique
  • Hans-Böckler-Foundation / Institute for Economic and Social Research -WSI (Alemanha)
  • International Centre of Social Science Education and Research - ISS (Holanda)
  • Instituto Latinoamericano y Caribeño de Planificación Económica y Social - Ilpes/Comisión Económica para América Latina - Cepal
  • New York University (Estados Unidos)
  • Delhi University (India)
  • London School of Economics (Reino Unido)
  • Nottingham University (Reino Unido)
  • Duke University (Estados Unidos)
  • CNRS (França)
  • Syddansk Universitet (Dinamarca)
  • International Institute of Social History (Holanda)
  • Université Laval (Canada)
  • Université de Genève (Suíça)
  • Stanford University (Estados Unidos)

Além de encontros e discussões com potenciais parceiros, a Escola tem investido em outras frentes que contribuem e subsidiam o trabalho de constituição e ampliação da Rede, assim como trazem indicações de questões a serem tratadas.

  • a Constituição do Conselho Técnico e Científico, constituído por representantes de diversas entidades da sociedade civil, de ensino, de classe, entre outras, cuja finalidade é indicar programas de cursos inovadores; propor a realização de pesquisas e investigações sociais; recomendar o desenvolvimento de projetos de cooperação técnica; apoiar e avaliar tecnicamente o desenvolvimento dos trabalhos da Escola.
  • a elaboração da Revista de Ciências do Trabalho.
  • a realização de palestras e conferências mensais com personalidades acadêmicas, políticas, de organizações do trabalho etc.